quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

"E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música"


Acho que desde de que me entendo por gente a dança faz parte da minha vida.
Aos 4 anos, entrei pro ballet. Aos 7 ou 8 (por aí), entrei pro jazz e sapateado. Hoje, faço zumba.
O ballet terminei aos 11 - ou seja, fiz 7 anos. Não me formei mas sinto muito orgulho de ter feito tanto tempo, e na época, me fazia muito bem. O jazz e sapateado, fiz só 2 anos. A zumba, faço desde o ano passado e espero não parar muito cedo.
Mas além de aulas e apresentações, a dança parece que sempre andou junto comigo. Quando tô feliz, danço. Me solto. Me liberto. (Não é em qualquer lugar, mas a sala de casa sempre foi o palco dos meus shows).
Na minha opinião, a dança nos faz sentir livres. Livres da vergonha, do medo, dos problemas, e de toda tristeza. Dançar renova, liberta e anima. Anima pra vida, nos dá coragem, nos faz acreditarmos em nosso potencial e em toda a leveza, doçura, ou sensualidade que temos.
Experimente! Coloque uma música... e dance!



"As pessoas dançam porque a dança pode mudar as coisas, um passo pode juntar duas pessoas, um movimento pode fazer-te acreditar que tu és especial.. Um movimento pode libertar todas as gerações."

Nenhum comentário:

Postar um comentário